Explosão de SPAM no Black Friday

Imagem

Sei que o assunto não tem muito haver com tecnologia, mas é um dos motivos para várias pessoas comprarem vários gadgets. A mais famosa sexta-feira do mundo, no qual quase tudo recebe uma parcela de desconto em seu valor.

Muitas lojas virtuais e fisicas também, estão bombardeando o e-mail das pessoas com propagandas sobre o black friday. Daqui a pouco meu servidor de e-mails vai ficar louco e começar a sinalizar esta mensagens como SPAM. E o pior de tudo é ter lojas que nunca ouvi falar e fica me enviando mensagens, sem nem ter cadastrado em seu Newsletter.

As empresas/lojas fica um aviso: antes de começar a disseminar e-mails pra todos os lados, verifiquem se essa pessoa realmente quer receber este tipo de mensagem, se ela cadastrou para receber o Newsletter. Pois, vocês podem perder um cliente com está falta de respeito. Pensem bem a respeito disso, o Natal está chegando.

E VIVA AO BLACK FRIDAY e que todas pessoas aproveitem os descontos ofertados.

Primeira loja física para o Chromebook

Foi criada em Londres a primeira loja física para o Chromebook. A Google está realmente apostando em seu sistema operacional Chrome OS, que com certeza terá adeptos (penso em ter um futuramente, por que não?!).

Antes da loja física o notebook somente era vendido em lojas virtuais como Best Buy e Amazon. As primeiras lojas estão situadas na Tottenham Court Road e no momento será vendido apenas o modelo da Samsung(Series 5), apesar de também existir o da Acer(AC700).

Configuração do Chromebook da Samsung:
tela de 12,1 polegadas (com resolução de 1280×800 pixels), processador de dois núcleos Intel Atom N570 de 1,66 GHz; 2 GB de RAM; SSD de 16 GB para armazenamento local; webcam; e duas portas USB.

Configuração do Chromebook da Acer:
tela de 11.6 polegadas HD Widescreen (1366×768 pixels de resolução), processador Intel Atom dual core de 1,66 GHz; 2 GB de RAM; SSD de 16 GB, webcam; e duas portas USB e uma HDMI.

Carro hackeado

Você sabia que seu carro pode ser atacado por um hacker?! Um estudo feito por cientistas americanos mostra que automóveis high-tech podem ser invadidos.

Existem várias ameaças para os motoristas. Cada vez mais controlados por vários computadores e conectados a redes sem fio, os carros ficam vulneráveis a ataques. Seu GPS pode ser acessado e informar a localização do carro. Rodar um CD que possa conter um arquivo com código malicioso permite que um hacker invada o sistema do carro. Outras funções do automóvel também podem ser hackeadas. Uma das piores coisas que pode acontecer é o hacker colocar o carro para freiar ou acelerar demais, invadindo o sistema digital do acelerador e motor que melhora o desempenho do carro.

Pwn2Own 2011

O evento Pwn2Own acontece anualmente e tem como objetivo premiar a primeira pessoa que conseguir detectar e explorar falhas nos pricipais navegadores, sistemas operativos e smartphones.

O concurso Pwn2Own 2011 oferece mais $ 105.000 para falhas de segurança encontradas nos navegadores Internet Explorer, Safari e Mozilla Firefox, além de falhas detectadas no Windows Phone 7, no IOS da Apple, no BlackBerry 6 e no sistema móvel Android, que permitem que um código malicioso seja injetado e executado.

Para cada ataque bem-sucedido, a TippingPoint que é a principal patrocinadora do concurso, apresenta um relatório para o fabricante responsável pelo software, detalhando a vulnerabilidade encontrada e de que forma ela foi explorada. Os detalhes não são divulgados ao público, até que o fabricante tenha corrigido a vulnerabilidade.

Para ter mais informações sobre os prêmios, inscrição (acho que já terminou), etc; Como sempre, segue o link no final do menu ao lado.

The Daily também para tablets com Android

A empresa resposável pelo jornal The Daily, que é exclusivo para tablets, News Corp está pensando em uma versão do produto também para tablets que rodam com Android. Por enquanto ele está disponivel apenas para o iPad (tablet da Apple). Rumores que a empresa New Corp já estaria projetando novo aplicativo.

Interessados que queiram saber mais sobre o app, segue um link para o site do jornal no final do menu ao lado.

Kinect vendeu 8 milhões de unidades em 2 meses

No final de janeiro de 2011 ouve um expanto quando a todos falavam que a Microsoft havia divulgado que mais de outo milhões de unidade do Kinect (acessório de movimentos corporal) foram enviados para as lojas em apenas 60 dias.

Segundo a empresa o acessório ajudou a aumentar as vendas da divisão de entreterimento em 55%. Está divisão inclui o Xbox 360, jogos de PC, Zune, Windows e software, gerou bilhões em receitas no final do ano passado.

Um pouco sobre o aparelho Kinect:

O equipamento é capaz de permitir aos jogadores interagir com os jogos eletrônicos sem a necessidade de ter em mãos um controle/joystick, inovando no campo da jogabilidade. Ele funciona com duas câmeras: uma RGB, que reconhece o rosto e exibe vídeos, e outra infravermelha (IR), para reconhecer movimento e profundidade.

by Wikipedia (mais informações: aqui!)

Mobile World Congress 2011

Mobile World Congress  aconteceu pela primeira vez em 1987 e é atualmente a maior exposição do mundo para a indústria móvel e um congresso com Chief Executives proeminente que representa as operadoras móveis, fornecedores e proprietários de conteúdo de todo o mundo.

Na edição do Mobile World Congress 2011 os principais destaques foram tablets e o sistema operacional de aparelhos moveis da empresa Google, Android. O SO da Google estava presente na maioria dos lançamentos expostos no evento. Confirmar esta alegação é fácil, pois, batava analisar o que cada empresa trouxe de novo para o evento para verificar que os principais gadgets rodavam Android.

Mas sem dúvida, os gadgets mais cobiçados para serem vistos foram:

  • Optimus 3D, o primeiro smartphone 3D
  • Xperia Play, o “Playstation Phone”
  • Xoom, o tablet da Motorola que a estreia o Android Honeycomb.

Para mais informações segue o link do site oficial do congresso, ao lado.

CES 2011

CES 2011 (Consumer Electronics Show) que acontece todos os anos desde 1967 teve como destaque este ano, a guerra dos tablets.

A CES 2011 é um dos maiores eventos de tecnologia do mundo. Realizada anualmente em Las Vegas, nos Estados Unidos, a feira reúne diversas empresas do segmento

Pequena história sobre a CES.

A primeira edição da feira aconteceu em 1967 na cidade de Nova York. Entre 1978 e 1994, a CES acontecia duas vezes por ano: uma em janeiro em Las Vegas, chamada de Winter Consumer Electronics Show (de inverno, WCES), e outra em junho em Chicago, chamada de Summer Consumer Electronics Show (de verão, SCES).

by Wikipedia (migre.me/3Wmtu)

Confira as novidades da CES 2011, clicando aqui!

Geek Vibrations

Pessoal não percam Hoje a partir das 22h horas tem Geek Vibrations Brasil!

Rodolfo Castrezana e Régis Freitas comandam a terceira edição 100% brasileira do livecast de @pacoragageles que, além de informações atuaizadas sobre a Campus Party Brasil 2011, também traz entrevistas, vídeos e concursos culturais com prêmios. Vai ficar de fora? Claro que não!
Acompanhe através da Campus TV: geekvibrations.campus-party.tv
Siga no Twitter @geekvibrations e @campuspartybra e utilize #geekvibrations e #cpbrasil para interagir com a gente. Mande dúvidas, sugestões, divulgue sua caravana, participe dos concursos para ganhar entradas e outros brindes.

Estudo diz que Android é ameaçado de fragmentar-se

O rápido crescimento do sistema operacional móvel Android, do Google, pode colocar a plataforma em risco de fragmentação, segundo um estudo publicado esta semana.

A fragmentação pode ocorrer quando aplicativos escritos para uma versão do sistema não são compatívelis com outras versões, de acordo com a IMS. “Tipicamente, atualizações da plataforma são lançadas em um ritmo mais lento e a fragmentação é bem controlada”, afirmou o analista da IMS Chris Schreck.

O problema da fragmentação vai além dos desenvolvedores e também atinge as operadoras de celulares e fabricantes. O custo para manter a plataforma é elevado com cada variação que precisa ser suportada.

O Google tem uma estratégia sólida para solucionar o maior problema de fragmentação do Android – a empresa deve enxugar a plataforma a partir da retirada de alguns recursos que seriam, então, oferecidos por meio de downloads no Android Market.