Universidades dos Estados Unidos não utilizarão o leitor de e-books da Amazon

Três Universidades dos Estados Unidos firmaram o acordo de não utilizarem o leitor de e-books da Amazon, o Kindle, até que a empresa corrija problemas de usabilidade e torne o dispositivo acessível também para portadores de dificuldades visuais.

De acordo com o site The Register, o Kindle DX é capaz de ler o texto e convertê-lo em áudio, o que já é bastante útil para pessoas com problemas de visão, mas não há nenhuma ferramenta de auxílio para navegar por seus menus e funções.

Em um comunicado à imprensa, a Amazon disse que irá desenvolver um novo modelo do Kindle, com menus em áudio, até o fim do primeiro semestre deste ano. “Além disso, uma fonte com tamanho ainda maior será adicionada ao Kindle. Os caracteres terão o dobro da altura e largura da maior fonte atual”, afirma o comunicado.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: